Escola Janice Dib Janete adere ao Programa Jovens Empreendedores Primeiros Passos (JEPP)

Projeto aplica práticas empreendedoras nas escolas

O Programa Jovens Empreendedores Primeiros Passos possibilita que a criança aprenda de forma lúdica e desenvolva habilidades e comportamentos empreendedores.  Na Escola Janice Dib Janete, no bairro Valdomiro Lopes, os alunos receberam o curso e puderam executaram essas práticas.

O encerramento foi realizado no final de dezembro com a participação de 16 turmas e o dinheiro arrecadado foi usado para a confraternização de fim de ano da escola. Para Janaina Vale Brito, gestora escola, “o projeto é bom, pois trabalha a parte pedagógica, financeira e desperta o empreendedorismo, o manuseio dos alimentos e a qualidade. Ajuda a diferenciar os negócios, e eles conseguem aprender a trabalhar coletivamente”.

A proposta do Sebrae  no Acre para o Ensino Fundamental incentiva os alunos a buscarem o autoconhecimento, novas aprendizagens, além do espírito de coletividade.

JEPP

A metodologia fomenta a educação e a cultura empreendedora. O curso procura apresentar práticas de aprendizagem, considerando a autonomia do aluno para aprender, além de favorecer o desenvolvimento de atributos e atitudes necessários para a gestão da própria vida.

Essa visão vai ao encontro dos quatro pilares da educação propostos pela Unesco: Aprender a conhecer, isto é, adquirir os instrumentos; Aprender a fazer, para poder agir sobre o meio envolvente; Aprender a viver juntos, a fim de participar e cooperar com os outros em todas as atividades humanas; Aprender a ser, via essencial que integra as três precedentes.

Dessa forma, o curso, aliado a um ambiente propício à aprendizagem, favorece o envolvimento dos jovens estudantes no próprio ato de fazer, pensar e aprender. Essas são características fundamentais dos comportamentos empreendedores, nos quais o estudante e o grupo em que está inserido reconhecem que suas contribuições são importantes e valorizadas.

Com a proposta pedagógica do JEPP para cada ano do ensino fundamental, por meio de atividades lúdicas, o ambiente da aprendizagem sensibiliza os estudantes a assumirem riscos calculados, a tomarem decisões e a terem um olhar observador para que possam identificar, ao seu redor, oportunidades de inovações, mesmo em situações desafiadoras.